A DINÂMICA DO MERCADO DE TRABALHO DO SERTÃO CENTRAL CEARENSE NESTE INÍCIO DE SÉCULO XXI

Leonardo Araujo Lima, Francisca Mara Raquel Silva Almeida

Resumo


O artigo traz como objetivo central discutir sobre as características do mercado de trabalho no território do Sertão Central cearense acerca de sua capacidade de gerar emprego e renda para a população; para tanto, parte-se de uma compreensão histórica da organização da produção mundial a partir da reestruturação produtiva na década de 1970. Aproximando do cenário de análise objetivado, aprofundamos nosso enfoque nos reflexos das transformações globais no contexto brasileiro, principalmente nos últimos trinta anos, quando ocorrem significativas mudanças no desempenho da economia e nos percentuais de empregabilidade. A partir desta conjuntura, abordamos dados quantitativos provenientes de respeitados institutos de pesquisa em âmbito nacional e estadual para consolidar uma análise crítica sobre a real situação do mercado de trabalho na região do Sertão Central cearense. Neste sentido, priorizamos aspectos como: ocupação, taxa de informalidade e empregabilidade por municípios da região, por setor da economia, por gênero, por idade e por nível de escolaridade. Verificamos, ao final, um certo paralelo das características regionais em relação ao cenário econômico e político nacional, além de certas especificidades importantes para prospecção de perspectivas futuras de desenvolvimento da região analisada. 

Palavras-chave


Mercado de trabalho. Desempenho. Sertão Central.

Texto completo:

PDF

Referências


ANTUNES, R. L. C. O Caracol e Sua Concha: Ensaios Sobre a Nova Morfologia do Trabalho. São Paulo: Boitempo, 2005

BRASIL. Ministério do Trabalho e Emprego (MTE). CAGED – Cadastro geral de empregados e desempregados. Disponível em: . Aceso em: 20 abr. 2016.

HARVEY, D. A condição pós-moderna. 9. ed., São Paulo: Loyola, 2000.

IBGE. Censo Demográfico 2010 – Características Gerais da População. Resultados da Amostra. IBGE, 2010.

IPECE. Perfil Básico Regional: Macrorregião Sertão Central. 2014.

LIMA, L.; SOUSA, M. Resultados da Pesquisa de Acompanhamento de Egressos do Centro Universitário Católica de Quixadá. Revista Expressão Católica, Quixadá, 2016

NARDI, H. C. Ética, Trabalho e Subjetividade: Trajetórias de Vida no Contexto das Transformações do Capitalismo Contemporâneo. Porto Alegre: Editora da UFRS, 2006.

POCHMANN, M. Política de ajuste econômico e desemprego no Brasil metropolitano nos últimos 35 anos. In: MACAMBIRA, J.; ARAÚJO, T.; LIMA, R. Mercado de trabalho: qualificação, emprego e políticas sociais. Fortaleza: IDT, 2016.




DOI: http://dx.doi.org/10.25190/rec.v5i1.1468

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Revista Expressão Católica

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.


ISSN: 2357-8483

Revista Associada
Indexadores
Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.