O USO DAS FERRAMENTAS VIRTUAIS NA EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA: O PAPEL DO TUTOR

Francisca Auderlânia de Oliveira Dias

Resumo


Este artigo busca apresentar a importância do papel do professor-tutor na modalidade à distância e as ferramentas que a acompanha, considerando sua experiência vivida no decorrer de sua vida acadêmica. Através do surgimento das novas tecnologias a internet tornou-se um meio propício para a difusão do conhecimento, aumentando a oferta de cursos superiores à distância. Nesse contexto o tutor é responsável por manter uma comunicação ativa com seus alunos através das ferramentas, por isso propomos neste artigo reflexões que abordem a importância do professor-tutor nessa modalidade, destacando suas principais características, funções e as ferramentas utilizadas no ensino à distância. A metodologia utilizada foi á pesquisa bibliográfica, e teve como  objetivo descrever e analisar o sistema de tutoria na Educação a Distância bem como suas ferramentas, destacando o importante trabalho do professor-tutor, averiguando suas características e suas qualidades. Concluiu- se também que com esse estudo, contribuiu para repensar a função dos tutores presenciais e a distância atuantes na modalidade de ensino à distância, utilizando-se das ferramentas tecnológicas, tendo em vista que, acreditamos ser de fundamental importância á realização de formação inicial e continuada com esses profissionais, pois são eles que mantêm contato direto e diário com os alunos.


Palavras-chave


Ferramentas Virtuais. Educação a Distancia. Professor x Tutor.

Texto completo:

PDF

Referências


ARETIO, L. G.; CORBELLA, M. R.; FIGAREDO, D. D. De la educación a distancia a la educación virtual. Barcelona: Ariel, 2007.

BOTTENTUIT JUNIOR, J. B.; COUTINHO, M. C. As ferramentas da web 2.0 no apoio à tutoria na formação em e-learning. Disponível em: . Acesso em: 25 out. 2015.

BRASIL. Decreto Federal nº 5.800, de 8 de junho de 2006. Dispõe sobre o Sistema Universidade Aberta do Brasil - UAB. Disponível em: . Acesso em: 08 jan. 2015.

______. Resolução CD/FNDE nº 26, de 5 de junho de 2009. Estabelece orientações e diretrizes para o pagamento de bolsas de estudo e de pesquisa a participantes da preparação e execução dos cursos dos programas de formação superior, inicial e continuada no âmbito do Sistema Universidade Aberta do Brasil (UAB). Disponível em: . Acesso em: 10 jan. 2015.

______. Resolução CD/FNDE nº 8, de 30 de abril de 2010. Altera os incisos I a V do art. 9º, o § 1º do art. 10 e o item 2.4 do Anexo I da Resolução CD/FNDE no 26/2009, que estabelece orientações e diretrizes para o pagamento de bolsas de estudo e de pesquisa a participantes da preparação e execução dos cursos dos programas de formação superior, inicial e continuada no âmbito do Sistema Universidade Aberta do Brasil (UAB). Disponível em:

. Acesso em: 10 jan. 2015

DANTAS, E. M.; TROLEIS, A. L. Entre rosas e espinhos, a avaliação e a educação a distância. Holos: Revista de Divulgação Científica e Tecnológica do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte, ano 29, v. 1, p. 256-267, 2013. Disponível em:

. Acesso em: 03 jan. 2015.

FACINTER. Manual do tutor. 2006. Disponível em: . Acesso em: 04 jan. 2015.

FREIRE, P. Conscientização: teoria e prática da libertação: uma introdução ao pensamento de Paulo Freire. São Paulo: Moraes, 1980.

______. Extensão ou comunicação? Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1983. O mundo hoje, v. 24.

______. Pedagogia do oprimido. São Paulo: Paz e Terra, 1987.

GEIB. Lorena Teresinha Consalter, et al. A tutoria acadêmica no contexto histórico da educação. Revista Brasileira de Enfermagem, Brasília, v. 60(2), p. 217-220, mar/abr. 2007.

LINS, R. M.; MOITA, M. H. V. Interatividade na Educação a Distância. Disponível em: . Acesso em: 25 out. 2015.

LOBO NETO, F. J. da S. Regulamentação da Educação a Distância: caminhos e descaminhos. In: Silva, M. (org.). Educação online. São Paulo: Edições Loyola, 2003.

MEHLECKE, Q. T. C.; TAROUCO, L. Revista RENOTE, v. 1, n. 1, fev. 2003.

MEHLECKE, Q. T. C.; GUEDES, A. T. Estratégias do professor para promover a interação dos alunos nas aulas a distância on-line. Revista Liberato, Novo Hamburgo, RS, v. 7, n. 8, jul./dez. 2006.

MILL, D.; ABREU-E-LIMA, D.; LIMA, V.S.; TANCREDI, R.M.S.P. O desafio de uma interação de qualidade na educação a distância: o tutor e sua importância nesse processo. Cadernos da Pedagogia. São Carlos, ano 2, v. 2, n. 4, p. 14; 112-127, ago./dez. 2008. Disponível em: . Acesso em: 05 jan. 2015.

MORAES, M. de; VIEIRA, E. M. F. Introdução à EaD. 2. ed. Florianópolis: Departamento de Ciências Contábeis/UFSC, 2009.

MORAES, M.; TORRES, P. L. A monitoria online no apoio ao aluno a distância: o modelo do LED. Disponível em: . Acesso em: 01 jan. 2015

______. Ensino e aprendizagem inovadores com tecnologias audiovisuais e telemáticas. In: MORAN, J. M.; MASETTO, M. T.; BEHRENS, M. A. Novas tecnologias e mediação pedagógica. Campinas: Papirus, 2000.

NOGUEIRA, R. C. C.; BOTH, I. J. A importância do tutor em Educação a Distância (EaD). Cadernos Intersaberes, v. 1, n. 1, jul./dez. 2012. Disponível em: . Acesso em: 25 jul. 2015.

PALLOFF, R.; PRATT, K. Construindo comunidades de aprendizagem no ciberespaço. Porto Alegre: Artmed, 2002.

PERNÍAS, P. Educação a distância faz ganhar tempo. Disponível em: . Acesso em: 17 fev. 2002.

PRETI, O. Educação a distância: inícios e indícios de um percurso. Cuiabá: NEAD/IE-UFNT, 1996.

RODRIGUES, R. S. Modelo de planejamento para Educação a Distância em Cooperação Universidade-Empresa. Tese Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção. Universidade Federal de Santa Catarina. Florianópolis, 2004. Disponível em: Acesso em: 09 jan. 2015.

SÁ, I. Educação a distância: processo contínuo de inclusão social. Fortaleza: CEC, 1998.

SARAIVA, T. M.; PERNIGOTTI, J. M.; BARCIA, R. M.; LAPOLLI, E. M. Tensões que afetam os espaços de Educação a Distância. Psicologia em Estudo, Maringá, v. 11, n. 3, p. 483-491, set./dez. 2006.




DOI: http://dx.doi.org/10.25190/rec.v5i1.1482

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Revista Expressão Católica

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.


ISSN: 2357-8483

Revista Associada
Indexadores
Área de Avaliação Qualis | Quadriênio 2013-2016 Classificação
Administração pública e de empresas, ciências contábeis e turismo. B5
Educação. C
Filosofia. C
Ciências Biológicas II C
Direito B5
Ensino B5
Interdisciplinar C
Letras/Linguística C
Psicologia B5
Saúde coletiva C
Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.